Páginas

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Fazer Pilates é um excelente custo-benefício para a saúde

Mesmo em tempos de crise, já que ele alivia o stress e estimula a memória



O Método pilates, além de contribuir para a forma física, também colabora para o alívio do stress e para o estímulo da memória. O diferencial do Pilates  em relação a outros métodos de exercícios físicos é que todos os movimentos  exigem conexão mente e corpo, o que gera maior equilíbrio entre esses dois centros do cérebro (periférico e central).

De de acordo com os princípios do seu criador Joseph Pilates. “A execução dos movimentos só será eficaz com a conexão mente-músculo, a qual promove desvio do objeto causador do stress pela concentração", Segundo Dra. PHD em pilates Eliane Coutinho, a prática do Pilates exige foco e conexão com os músculos em atividade o que pode fazer com que o praticante desconecte-se do “Alvo estressante” bloqueando uma série de alterações químicas responsáveis pelo stress físico e mental.

Outro benefício trazido pelos exercícios criados por Joseph Pilates é a melhora da memória. “Toda a vez que o cérebro se concentra em uma atividade ocorre maior número de sinapse (conexão das células nervosas). Recentes estudos apresentados em conferência na Sociedade Norte-Americana para Psicologia do Esporte e Atividade Física, em Hunt Valley, concluíram que otagenários fisicamente ativos são mais concentrados e se distraem com menos facilidade do que sedentários da mesma idade”, relata.

Por esse motivo, a especialista destaca que um estilo de vida ativo, mesmo sem a prática de atividades intensas, em qualquer idade, ajuda a manter a capacidade de pensar e de reagir a situações. “Um dos motivos associados a esse benefício é a melhoria da condição cardiovascular que aumenta o fluxo sanguíneo e a oxigenação do cérebro”, justifica.

Para um melhor aproveitamento dos benefícios do Pilates, Dra. Eliane recomenda a prática dos exercícios em ambiente silencioso e harmonioso, em aulas individuais. “O método Pilates prima pela concentração toda vez que o aluno executa o movimento e o papel do professor de Pilates é essencial no estímulo dessa concentração”, afirma.

A aula de Pilates Clássico Científico deverá ser muito mais que um conjunto de exercícios, é uma aula de adaptação muscular, de transformação de músculo velho (sedentário) em músculos jovens e de diminuição do stress oriundo desse novo estilo de vida.

Agora se pergunte quanto você investiu ou investe em você para chegar aos 80 anos em plena forma física e sem stress? A minha dica é: Comece hoje para colher amanhã. Marque uma aula experimental e conheça o Pilates Científico, uma nova forma de rejuvenescimento muscular.

Requisitos para ser professor de Pilates Para se tornar professor de pilates é necessário ter alguns pré requisitos. Primeiro ter formação universitária em fisioterapia, educação física ou terapia ocupacional. Outro pré-requisito é que sendo estudante de alguns desses cursos é necessário estar no sétimo período para poder fazer a formação em pilates. Por último ter uma formação em pilates clássico original que alguma escola credenciada dá.
Para saber se o professor tem é só solicitar para ele seu currículo e diplomas.

Sobre a Profª. PHD Eliane Coutinho e a Fisiociência®
Fisioterapeuta mestre e doutora em Plasticidade Muscular, a PHD Eliane Coutinho, diretora acadêmica da FisioCiência. Há mais de dez anos a Profª. PHD Eliane Coutinho fundou a Fisiociência® Pilates com o objetivo de capacitar fisioterapeutas, educadores físicos, médicos, terapeutas ocupacionais e dançarinos com curso superior a desenvolver e aplicar o método Pilates na prevenção, condicionamento e tratamento de distúrbios musculoesqueléticos. A Fisiociência® é um centro de formação com marca registada com reconhecimento Nacional e tem como base formações para profissionais e atendimento ao público com o original Pilates Clássico Cientíifco®. Com formação sólida, a fisioterapeuta é especialista em Avaliação e Intervenção do Aparelho Locomotor, Mestre em Processos de Avaliação e Intervenção em Fisioterapia pela UFSCar-SP e Doutora-PHD em Fisioterapia: Subárea em Plasticidade Músculo Esquelética pela UFSCar-SP com parceria com a Unicamp-Campinas e atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutorado no Método Pilates na USP-SP. Possui formação no Método Pilates Clássico pela linha Canadense Stott Education Program. Também é certificada em Water Pilates pela Aquatic Exercise Association (AEA), nos Estados Unidos. É membro da Pilates Method Alliance (PMA) nos Estados Unidos, maior órgão representativo do método no mundo, é membro fundador da ABRAPI (Aliança Brasileira de Pilates). Atualmente escreve o primeiro livro de Pilates Studio que será publicado em português no Brasil, pela Editora Phorte. Seus vídeos no canal do You Tube mostram a repercussão de suas aulas entre os profissionais.

Mais informações:
Studio Fisiociência® Brooklin/ SP (11) 3571-9597


5 comentários:

  1. Estou afim de fazer pilates a tempos.
    Já estou procurando um local bacana.
    Acho que vou gostar mais do que ir malhar. rsrs
    Bjão

    www.blogdajeu.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nunca tive vontade, apesar dos benefícios, prefiro puxar ferro! rsrs

    ResponderExcluir
  3. Sou fã de pilates, doida pra fazer.
    Já estou fazendo umas pesquisas.
    Gostei do post.
    Bjão

    www.blogdajeu.com.br

    ResponderExcluir
  4. O pilates só tem benefícios !!!
    Estava procurando um local para minha filha fazer e me deparei com duas dificuldades: ainda não se acha com facilidade e o preço ainda é bem salgado para o meu orçamento...
    besitos

    blogmeamarro.com

    ResponderExcluir
  5. já fiz e gostei muito, emagreci da maneira correta!
    passando para deixar bjs, desejando ótima semana, com muita saúde, amor e paz
    tititi da dri

    ResponderExcluir

Olá Meninas:

Não deixe de comentar, se quiser deixe o link do seu blog para que eu possa conhecer.
Sua opinião é muito importante para mim.

Bjkas
VAN

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...